13 de junho de 2012

Quadrinhos de luxo

Saudações aos queridos e queridas da grande rede! Ultimamente, o que mais estamos vendo por aí são filmes e séries baseados em livros e quadrinhos, certo? E como filmes e séries sempre pintam por aqui, o post de hoje é dedicado a uma dessas obras inspiradoras: a HQ Thor - Em Nome do Pai, de autoria de J. Michael Stracsynscki e desenhos de Olivier Coipel e Marko Djurdjevic.


Em Nome do Pai é o segundo volume da coleção de luxo que a Marvel Comics lançou sobre o personagem Thor. Pois é, o deus do Trovão tem cadeira cativa aqui no The Geekgasm, e por isso mesmo temos uma resenha esperta sobre essa história ótima, que por sinal, tem alguns elementos que podem estar presentes na sequência Thor 2. 

Resumindo o começo de tudo... O Ragnarök varreu os nove reinos e depois de batalhas sangrentas, mortes dramáticas e do fim do mundo, os deuses renasceram e Asgard se estabeleceu como um território neutro e flutuante sobre uma porção de terra nos EUA. Vale comentar que todo o contexto que envolve a HQ é o da Guerra Civil, e todo aquele clima de união que existia em no começo de Os Vingadores já é mais do que passado.

Em Em Nome do Pai, todos os deuses e criaturas renasceram, como Amora, a Encantor e o deus da trapaça, Loki, que assume sua forma feminina Lady Loki. Porém alguns mistérios cercam os nórdicos. Aparentemente, Odin não renasceu e não há sinal de Lady Sif, o que faz Thor penetrar no Sono de Odin para buscar respostas sobre o que aconteceu ao Pai de Todos, enquanto sua contraparte humana inicia uma jornada para entender o que aconteceu com Sif. 

Por detrás desses acontecimentos, mais da vida de Balder, irmão de Thor e Loki e filho de Odin, é revelado, assim como o passado de Loki também vem a tona. As coisas começam a esquentar quando Thor finalmente descobre o que aconteceu a seu pai e os leitores descobrem o que aconteceu a Sif. Para não dar spoilers da história e estragar a surpresa da galera, o personagem Surtur, cotadíssimo para ser intepretado em Thor 2 pelo ator Mads Mikkelsen, dá o ar da graça e protagoniza uma cena de batalha digna dos cinemas, viu? Agora, é só esperar para ver!

Lady Loki, a Encantor, Thor e o universo de Asgard.


Nenhum comentário: