25 de julho de 2015

Perco amigos mas não perco meus livros... #DiaDoEscritor

Saudações, povo lindo da grande rede! Hoje é um dia muito especial. Além de ser um sabadão perfeito para dar aquela descansada da semana, também é Dia do Escritor. E para homenagear essas pessoas talentosas, que usam as palavras para dar vida à mundos, criaturas e histórias maravilhosas, nós fizemos uma singela lista de recomendações literárias para quem está afim de descobrir novos personagens e desbravar novos territórios.



1. Universo Desconstruído, org. Aline Valek e Lady Sybylla:

Essa antologia de contos de ficção científica foi inteiramente construída para apresentar histórias com mais diversidade, sem espaço para machismos, racismos e homofobia. O objetivo do livro foi apresentar a pluralidade da ficção científica, atrelada a um debate sobre estereótipos e sobre o papel da mulher na literatura sci-fi. Ou seja, um must read para quem curte o gênero!

Onde comprar: Clube de Autores



2. Rani e o Sino da Divisão, de Jim Anotsu:

Pensem numa história que foge bem aos padrões, com personagens sensacionais e uma protagonista cuja força supera muitos obstáculos. A história da menina Rani, que à primeira vista é só mais uma adolescente comum, conquista o leitor justamente por ser totalmente inesperada. Os Animais de Festa, a pequena cidade de Graúna, a realidade de Rani, tudo é fantástico e tudo vale a leitura!

Onde comprar: Editora Gutenberg




3. A Ilha dos Dissidentes, de Bárbara Morais:

Correndo o risco de criar um neologismo, o primeiro volume da Trilogia Anômalos é um ótimo exemplo de distopia científica, misturando elementos de ficção científica no melhor estilo X-Men, com elementos distópicos como os de Jogos Vorazes. A protagonista Sybil Varuna, em sua luta pela sobrevivência em um mundo que oprime os diferentes e vive à beira de uma guerra que pode aniquilar a raça humana, vai descobrir que é mais forte do que havia imaginado.

Onde comprar: Saraiva



4. A Dança do Universo, de Marcelo Gleiser:

Em A Dança do Universo, o físico brasileiro Marcelo Gleiser trabalha que os enfoques religiosos e científicos acerca de questões como "O que aconteceu no momento da Criação? Houve um instante determinado em que o Universo que nos rodeia surgiu?" não são tão distantes quanto imaginamos. Fazendo uso de uma linguagem clara e fluida, ele apresenta versões de diversas culturas para o mistério da Criação, até desembocar na explicação da ciência moderna para o surgimento do Universo.

Onde comprar: Livraria Cultura



5. A Torre Acima do Véu, de Roberta Spindler:

Quando uma densa e venenosa névoa surge misteriosamente, pânico e morte tomam conta do planeta. Os poucos sobreviventes se refugiam no topo dos megaedifícios e arranha-céus das megalópoles. É na megacidade Rio-Aires, que vive Beca, uma jovem que, ao lado do pai e do irmão, faz o resgate de recursos há muito abandonados nos andares inferiores dos edifícios. À medida que Beca vai se dando conta do quão perigoso o mundo se tornou, mais o leitor quer descobrir os segredos ao lado dela.

Onde comprar: Saraiva

Nenhum comentário: